Novidades

Você sabe o que é a Indústria 4.0?

11.12.2018
Mercado

A única saída para o empreendedor é buscar soluções que o ajudem a otimizar seus processos produtivos

 

           O termo “Indústria 4.0” ou “Quarta Revolução Industrial” teve origem em um projeto estratégico de alta tecnologia do governo alemão, que promove a informatização da manufatura. É uma expressão que engloba algumas tecnologias para automação e troca de dados.

          Ela facilita a visão e execução de “fábricas inteligentes” com as suas estruturas modulares, os sistemas ciberfísicos monitorando os processos físicos, criando uma cópia virtual do mundo físico e tomando decisões descentralizadas. Com a internet das coisas, os sistemas ciberfísicos comunicam e cooperam entre si e com os humanos em tempo real, e através da computação em nuvem, ambos os serviços internos e intra organizacionais são oferecidos e utilizados pelos participantes da cadeia de valor.

           A Indústria 4.0 desponta como caminho natural para aumentar a competitividade do setor por meio das tecnologias digitais, agregando valor aos clientes e aumentando a produtividade de processos.

            E no Brasil, como fica?

         No Brasil ainda é pouco utilizada pelas empresas nacionais. O atraso brasileiro diante da integração das tecnologias físicas e digitais em todas as etapas de desenvolvimento de um produto fica evidente porque 43% das empresas não identificam quais tecnologias têm potencial para alavancar a competitividade do setor industrial. Nas pequenas empresas, esse porcentual sobe para 57%. Entre as grandes, a fatia recua para 32%.

         De acordo com pesquisa nacional sobre adoção de tecnologias digitais relacionadas à era da manufatura avançada, realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), a indústria brasileira ainda está se familiarizando com a digitalização e com os impactos que pode ter sobre a competitividade. O desconhecimento é significativamente maior entre as pequenas empresas (57%). Ademais, infere-se que o Brasil esteja pouco preparado para a ado­ção em larga escala da Indústria 4.0 tendo em vista aspectos estruturais, educacionais e culturais.

      Reconhecendo a importância do tema, recentemente o governo federal, por meio do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) e da Associação Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), lançou a Agenda Brasil para a Indústria 4.0, conjun­to de iniciativas que visam promo­ver o desenvolvimento da questão no país.

 

Fonte: Revista Metal Mecânica - IPESI 

Autor: Amanda Carvalho Cavalini

REVISTA METAL MECÂNICA - IPESI - Nº286
Voltar